Para aqueles que se interessam por temas relacionados ao mundo da Arquitetura e Interiores, aqui vocês poderão encontrar um MIX de informações e dicas sobre casa, decoração, arquitetura, design, exposições, tendências, novidades do mercado, viagens e restaurantes!!



segunda-feira, 29 de agosto de 2011

E você, sabe diferenciar o vintage do retrô??


Com certeza você já ouviu muito os termos vintage e retrô, não é mesmo? Mas será que você realmente sabe a diferença entre um e outro?? Tenho visto por aí que muita gente se confunde, daí me veio a idéia de escrever um pouquinho sobre os dois estilos.

 Pois bem, hoje vou esclarecer algumas dúvidas sobre o assunto! Primeiramente acho bom deixar claro que tanto o estilo vintage quanto o retrô abrangem o universo da arquitetura, da moda e do design.

Como já diz o significado literal da palavra vintage, no termo em inglês que quer dizer “safra de vinho”, os móveis vintage remetem a idéia de que, quanto mais antiga a “safra”, melhor a qualidade.  Este estilo resgata os elementos das décadas de 20 a 60. As peças geralmente possuem valor alto, por serem originais da época. Na decoração vintage, os objetos são verdadeiros clássicos, originais da época (dec. 20 a 60) podendo ser encontrados em antiquários ou lojas do gênero com peças garimpadas.Existem algumas variações no estlilo, algumas pessoas se identificam mais com uma época do que outra, isso é puramente uma questão de gosto.

Já na decoração retrô são utilizados objetos, na grande maioria atuais, inspirados no que se usou nas décadas de 70 e 80, ou tb peças originais desta época que estejam em bom estado de conservação. É um estilo que acaba sendo uma releitura das décadas anteriores.
As peças retrô são normalmente mais caras que as da atualidade, mas em compensação são mais acessíveis que as peças vintage, por serem produzidas pela industria atual. Muitos acreditam que o retrô surgiu inspirado no vintage, mas não é bem por ai, já que eles possuem características opostas, o vintage é sóbrio e o retrô é lúdico.

Eu particularmente gosto de mesclar nos ambientes peças vintage com peças contemporâneas, criando assim um contraste que fica bem harmonioso. 

seguem algumas imagens  vintage:

Cartazes de filmes antigos:


eletrodomésticos, móveis e embalagens:

Muitas embalagens, principalmente as de latas são usadas hoje em dia como objeto de decoração. Elas dão um charme ao ambiente!
 É  o caso desta rara caixa em metal, década de 20 da Lacta. Em estado original com desgastes e marcas de uso por mais de 90 anos. Peça única a venda na Desmobília. por R$600,00

.
imagens vintage diversas:








roupas, sapatos e acessórios vintage:



Vintage x retrô na moda:


Um dos clássicos exemplos do vintage, são as pin ups:


Móveis vintage:





Banqueta alta 2 tipos de madeira maciça, pés em pau marfim e assento em imbuia, 2 peças disponiveis, década de 50. A venda da Desmobília por R$ 780,00

Poltrona e banqueta Mole, desenho Sergio Rodrigues, década de 60 em jacarandá, estofamento em couro natural caramelo, totalmente restaurada -  A venda na Desmobília por  R$ 13.000,00
Para os amantes do design italiano. Raro telefone Rialto, vintage vermelho, fabricado por AUSO Siemens - Italia. Desenhado em 1972 por Giorgetto Giugiaro -famoso designer de carros.  PEÇA ÚNICA. Ao receber chamadas toca como cigarra, em volume médio. A venda na Desmobilia por R$ 740,00;

Móvel industrial com rodas, composto de diversos arquivos antigos em metal de vários tamanhos, conceito e fabricação Bruno Lopes. PEÇA ÚNICA - . Por R$ 4800,00. 


gabinete de banheiro


Imagens de exemplos de peças retrô:







O banco Tam Tam desenhado pelo designer frances Henry Massonet em 1968 foi reeditado com cores de arrasar. O clássico da dec. de 70 está a venda na Benedixt por R$ 579,00.





Garimpo + Fuxique oferece um serviço de customização de móveis com estampas exclusivas. Sob encomenda, a cadeira Butterfly ganha pin-ups em tecido de algodão



A torradeira cromada CPT-70, da Cuisinart, só tem cara de antiguinha – sua tecnologia é bem moderna, pois alem de torrar pães ela ainda tem funções de descongelamento e reaquecimento de alimentos.


O minirefrigerador Retrô da Brastemp saiu dos anos 1950 diretamente para a casa contemporânea e caiu no gosto popular. Ele exibe caracteristica marcante da época : pés -palitos cromados, puxador como os de refrigeradores atigos e a logomarca dos anos dourados, que foi retomada reforçando o ar nostálgico.


Se você curte essa pegada vintage/retrô/customizada, tem uma loja que eu indico que com certeza vc vai amar:   a  DBox, loja idealizada pelo fotógrafo Rafael Quintino e o designer Melão, que garimpa objetos vintage de diferentes décadas para transformá-las em peças de decoração contemporâneas e customizáveis.

"A DBox atende um público que aprecia peças exclusivas, produtos em estilo vintage, mobiliário, luminárias e acessórios de design nacional e internacional, produtos customizados, personalizados, arte grafite, fotografia e objetos curiosos e divertidos. Geralmente um público informado, viajado e ávido por consumir produtos diferenciados."

Vale a pena dar uma passadinha na loja para conferir as novidades, abaixo uma prévia do que você encontra por lá:

TV LCD de 20 polegadas embutida em caixa de acrílico com pintura automotiva. Embutidos na caixa de madeira com marchetaria, DVD e BLU-RAY .



Geladeira de fibra de vidro com acabamento em alumínio e pintura automotiva cor de rosa.


loja the Dbox


Resumo da ópera:  vintageretrô é algo novo, relançado igual ou semelhante com o antigo, é uma recriação ou reedição. Isso vale para móveis, objetos, roupas, brinquedos, carro, eletrodomésticos.

Não gosto muito das peças muito antigas, cheias de “rococós” como o estilo Luiz XV por ex. Gosto mais do estilo Art Déco, a linha do Modernismo, anos 50 e 60, com linhas mais retas e geométricas, mais minimalista, já que não sou mto fã daqueles milhões de detalhes sabe?

Segue abaixo um esqueminha bem simples de como criar um ambiente com harmonia mesclando o vintage e o contemporâneo:

- Adquira apenas uma peça ou outra e não um conjunto, não faça uma sala de jantar toda vintage,  vai pesar muito, e ficar parecendo mais um cenário da casa da vovó do que qualquer outra coisa.

- Nessas peças singulares, tente optar por cores mais vibrantes, nas próprias peças , ou no tecido de  uma poltrona, cadeira etc,  podendo ser lisas ou estampadas. Acho que isso traz um destaque especial para a peça deixando ela ainda com mais "peso" no ambiente.

- Minhas peças preferidas para garimpar são cadeiras e poltronas, e mesas laterais de apoio, que são sempre muito úteis e funcionais  na decoração.

Espero ter ajudado!

beijos








7 comentários:

  1. ADOREI TUDO!PARABÉNS PELA EXPLICAÇÃO.

    ResponderExcluir
  2. Gostei muito dos seus comentários e me atualizei bastante , voce foi de uma originalidade ímpar.
    Parabens pelo seu Blog , está arrasando
    JUNIOR

    ResponderExcluir
  3. Eu A M E I este post!
    parabéns
    beijinhos

    ResponderExcluir
  4. Obrigada a todos, fico feliz que tenham curtido!!
    valeu
    beijaoooooooo

    ResponderExcluir
  5. Olá, Carolina!
    Gostei muito deste post. Estou pesquisando para preparar um post sobre o assunto e acho que você tem gabarito para responder minha pergunta. O retrô tem como referência o vintage?
    E finalizando o seu post você usa um novo termo vintageretrô, que algo novo relançado como antigo.
    Poderia me dar uma ajuda?
    Obrigada!
    suzanamariabrega@msn.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Suzana !!
      Primeiramente gostaria de te agradecer e me desculpar pela demora na resposta, mas é que esta semana foi uma loucura com a entrega de uma obra grande!!
      Bom respondendo as suas dúvidas,acredito que o retrô tem sim, até um certo ponto o vintage como referênca, afinal mtas vezes subentendemos este termo apenas como uma releitura de peças do passado (de qualquer época passada). Mas se analizarmos a fundo, entendemos que o vintage não é diretamente uma referência já que os objetos retrôs remetem à peças da década de 70 e 80 ( podendo ser fabricados atualmente ou serem peças originais da época), já as peças consideradas vintage são apenas as originais da dec de 20 a 60. Portanto os dois termos remetem a diferentes décadas e conceitos, já que um pode ser tanto novo quanto uma releitura e o outro apenas peças originais. Quando me referi ao termo vintageretrô quis dizer que são peças atuais relaçadas inspiradas em peças do passado ( neste caso podendo ser de qualquer decada passada).
      Espero ter ajudado, caso tenha mais dúvidas me avise!
      beijos

      Excluir
  6. Gostei mtos parabéns.

    ResponderExcluir